domingo, 19 de setembro de 2010

CURSO MENTE PROSPERA LIÇÃO 7.

Agora vamos à leitura:


Capítulo 7 - A Gratidão

Os exemplos dados no último capítulo fazem com que o leitor saiba do fato que a primeira etapa para enriquecer, é passar à substância amorfa o que você quer. É verdade, e você verá, que a fim de fazer isso é necessário que você se relacione com inteligência amorfa de uma forma harmoniosa.

Manter esta relação harmoniosa é algo de importância tão preliminar e vital que eu darei espaço aqui para discuti-la, e lhe darei as instruções as quais, caso você as siga, o levarão à unidade perfeita da mente com o poder supremo, ou Deus. O processo inteiro do ajuste e harmonização mentais pode ser resumido em uma palavra: Gratidão.

Primeiro você acredita que há uma substância inteligente, da qual todas as coisas procedem. Segundo você acredita que esta substância lhe dá tudo que você deseja. Terceiro você relaciona-se a ela por um sentimento da gratidão forte e profundo.

Muitas pessoas que vivem corretamente, de uma forma ou de outra, permanecem na pobreza por falta de gratidão. Recebendo um presente de Deus, cortam os fios que os conectam com Ele, e não tem o reconhecimento. É fácil compreender que quanto mais próximo nós vivemos da fonte das riquezas, mais riqueza receberemos, e é fácil também compreender que a alma que é sempre grata vive mais próxima de Deus do que aquela que nunca tem reconhecimento e gratidão.

Quanto mais gratidão ao supremo nós tivermos em nossas mentes, ao receber as coisas boas, mais coisas nós receberemos, e mais rapidamente virão. E a razão é simplesmente porque a atitude mental da gratidão coloca a mente em estreita proximidade com a fonte de onde vêm essas bênçãos.

Caso lhe seja nova a idéia de que a gratidão põe sua mente em total harmonia com as energias criativas do universo, considere-a, e você verá que é verdade. As coisas boas que você já tem vieram até você ao longo do caminho da obediência a determinadas leis. A gratidão conduzirá a sua mente ao longo do caminho pelo qual as coisas vêm, e a manterá próxima da harmonia com o pensamento criativo e impedirá que você caia no pensamento competitivo.

Só a gratidão pode mantê-lo olhando para a totalidade, e impedirá que você caia no erro de pensar na fonte como algo limitado. Fazer isso seria fatal para suas esperanças. Existe a lei da gratidão, e é absolutamente necessário que você observe esta lei, se você quer ter os resultados que você procura. A lei da gratidão é um princípio natural de ação e reação, sempre iguais e em sentidos opostos. Estender a gratidão de sua mente à inteligência suprema é uma liberação ou um lançamento de força. Não falha em alcançar aquele a que se destina e a reação é um movimento instantâneo, de volta para você.

Lance-a para o lado de Deus, e ele a lançará para o seu lado. É uma manifestação da verdade psicológica. E se sua gratidão for forte e constante, a reação na substância amorfa será forte e constante; o movimento das coisas que você quer serão sempre na sua direção. Observe a atitude grata que Jesus tinha, como parecia dizer sempre: "Agradeço a ti, Pai, porque me ouviste". Você não pode ter muito poder sem a gratidão, porque é a gratidão que o mantém conectado ao poder.

Mas o valor da gratidão não consiste unicamente em dar-lhe mais bênçãos no futuro. Sem gratidão você não pode ficar por muito tempo longe do descontentamento de pensar sobre as coisas como elas são. No momento que você permite que sua mente incida em descontentamento sobre as coisas como elas são, você começa a perder terreno. Você presta atenção ao comum, ao ordinário, aos pobres, aos esquálidos, à miséria - e sua mente capta a forma destas coisas. Então você transmitirá estas formas ou imagens mentais à substância amorfa. E tudo isso virá até você.

Permitir que sua mente discorra sobre o inferior é tornar-se inferior e cercar-se com coisas inferiores. Fazendo de outra forma, fixando sua atenção no melhor é cercar-se do melhor, é transformar-se no melhor. O poder criativo dentro de nós, nos faz a imagem daquilo que nós prestamos atenção. Nós também somos feitos de substância pensante, e a substância pensante sempre toma a forma daquilo que pensa.

A mente grata é constantemente fixada no melhor. Conseqüentemente tende a transformar-se no melhor. Toma a forma ou a característica do melhor, e receberá o melhor. Também a fé nasce da gratidão. A mente grata espera continuamente coisas boas, e esta expectativa transforma-se em fé. A reação da gratidão sobre uma mente produz a fé, e a cada onda de gratidão aumenta a fé. A pessoa que não tem nenhum sentimento da gratidão não pode por muito tempo reter uma fé viva, e sem uma fé viva você não pode enriquecer pelo método criativo, o motivo, nós veremos nos capítulos seguintes.

É necessário, então, cultivar o hábito de ser grato para cada coisa boa que vem até você, e agradecer continuamente. E porque todas as coisas contribuíram para o seu progresso, você deve incluir todas as coisas em sua gratidão. Não desperdice muito tempo pensando ou falando sobre os defeitos ou erros daqueles que detém o poder. Foi a forma como eles organizaram o mundo que criou suas oportunidades; tudo o que você tem, vem realmente por causa deles. Não se aborreça com os políticos corruptos. Caso não existissem os políticos, nós viveríamos em anarquia, e suas oportunidades seriam extremamente menores.

Deus trabalhou pacientemente, por um longo tempo, para trazer-nos até onde nós estamos na indústria e no governo, e está seguindo em frente com seu trabalho. Não há dúvida que devemos nos afastar de plutocratas, grandes magnatas, chefes da indústria, e políticos assim que puderem ser descartados, mas neste ínterim, são todos muito necessários. Lembre que são eles que ajudam a formar as linhas de transmissão ao longo das quais suas riquezas virão, e seja grato. Isto o manterá em relação de harmonia com o que há de bom em tudo, e o que há de bom em tudo virá até você.



Nenhum comentário:

Postar um comentário